domingo, 27 de outubro de 2013

Beagles & Black Blocs - Quando a expressão vira terror

Protestar é um direito inalienável em uma democracia livre, mas sair quebrando tudo é coisa de vagabundo criado à leite com pera. No Brasil, "protesto" vira "guerra civil" e no final acaba tudo em pizza. Os beagles são dóceis, mas a polícia é dócil demais...

Beber café e ler o blog do Reinaldo Azevedo são duas coisas que faço todas as manhãs. O brilhante jornalista, que é uma das poucas pessoas que ainda pensam no Brasil, vem acompanhando as manifestações populares desde a sua origem, em Julho deste ano, dos Black Blocs aos Beagles. Seu último texto, escrito hoje às 6:30 da manhã - e, portanto, antes do meu café, tem o seguinte título: "95% repudiam black blocs; aprovação a protestos despenca; os mais pobres são os que menos gostam da bagunça". Auto explicativo, não é?


Meu Deus! Então você é contra os protestos! Calma lá, vamos aos fatos. Primeiramente, em uma democracia sólida e saudável, protestar é um direito. Ponto final. Como cidadão, tenho o direito de não estar contente com o governo ou com alguma situação, e logicamente, me expressar da maneira que bem entender. Ao contrário de Cuba, Coréia do Norte ou China, ninguém pode me privar disso em uma democracia relativamente livre no qual ainda vivemos. É, protestos são legais, mas peraí!

Que lindo! Uma manifestação pacífica! Parece que estou jogando Call of Duty...

Virou moda ir protestar de máscara e coquetel molotov. Agredir policiais, pichar monumentos históricos, depredar bancos e lojas - e, as vezes saqueá-las, incendiar ônibus, e bloquear vias de trânsito no horário de pico são atitutes intoleráveis. Invadir propriedade privada e destruir pesquisas científicas não é legal, viu moçada rebelde criada à leite com pêra!?. E é por isso que a população paulistana é majoritariamente contra os atos de vandalismo: 95% desaprovam. Reinaldo e eu estamos neste bolo.

Pesquisar a cura do câncer!? Pra que né!? I Love Beagles!

Sem punição não há freios para o terrorismo urbano. A polícia que deveria apaziguar a guerra civil e proteger o cidadão honesto dos rebeldes fica atada à patrulha politicamente correta. Mesmo espancado por bandidinhos-manifestantes (São Paulo, 25/10), o coronel da polícia militar Reynaldo Simões Rossi, ordenou de cravícola quebrada para a sua equipe: “Segura a tropa, não deixa a tropa perder a cabeça”. Sensato, o coronel sabe muito bem que qualquer intervenção da polícia mancharia a imagem da corporação. 

Mesmo espancado e sangrando, o coronel ordenou calma à tropa. Incendiar ônibus pode, mas meter borracha em vagabundo é feio!

A polícia perde a moral em um ambiente de impunidade. Das centenas de bandidos e vândalos que tocaram o terror no país, absolutamente nenhum foi preso. Impedidos de descer a borracha nos terroristas urbanos, a PM fica de mãos atadas. A PM pode levar pedrada. A PM pode levar paulada. A PM pode levar cadeirada nas costas, mas a PM não pode defender o patrimônio público e privado. A PM não pode defender a loja do seu João. A PM não pode defender o cidadão trabalhador do manifestante fora da lei. É isso aí. Truculentos! 

Mascarados, destruam o país à vontade! Ninguém irá prendê-los. Continuem a destruir pesquisas contra o câncer. Continuem a queimar ônibus. Continuem a quebrar tudo! Vivemos em uma democracia, não é? Galerinha, só não esqueçam seus iPhones em casa! E, lembrem-se, uma roupinha de grife cai muito bem no protesto! Ter atitude é sexy. Que delícia!

Fontes:
http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/95-repudiam-black-blocs-aprovacao-a-protestos-despenca-os-mais-pobres-sao-os-que-menos-gostam-da-bagunca/
http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2013/10/ato-tem-fogo-em-onibus-confronto-com-pm-e-dezenas-de-presos-em-sp.html
http://oglobo.globo.com/pais/furto-de-beagles-pode-prejudicar-pesquisas-medicas-10431259
http://g1.globo.com/sao-paulo/sorocaba-jundiai/noticia/2013/10/prejuizo-e-incalculavel-diz-diretor-de-laboratorio-invadido-em-sao-roque.html
Comentários
10 Comentários

10 comentários :

  1. Faço minhas as suas palavras, e o meu dia começa como o seu, com café preto e Reinaldo Azevedo. Um absurdo o ponto a que chegamos, com uma polícia tendo que se pautar pela patrulha patralha na hora de cumpri sua função deifinda na carta magna do país! Bom, mais um blog para eu acessar. Parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade. Se todas as pessoas que praticassem atos de vandalismo fossem punidas, não teria mais ninguém fazendo arruaça por aí! É simples.

      Obrigado pela visita!

      Excluir
  2. Olá, para mim, os black blocs são a versão brasileira das F_A_R_C. Bandidos e políticos (nas sombras) trabalhando juntos para se instalar o caus, onde o foco são as instituições de determinados partidos. Nem tudo é o que parece. Estamos vendo só a ponta do iceberg. Tudo cortina de fumaça...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza o que conhecemos não é nem 5% do total. Deve ter muita sujeira debaixo dos panos. Daqui a pouco essa galerinha mascarada de molotov entra na política, ganha às eleições e começa a fazer maracutaia no poder....

      Excluir
  3. Muito bom esse blog cara!!!

    UM dos melhores que ja li sobre como combater a merda do CUMINISMO

    Tambem faço isso tanto na net,como no meu dia dia com professores esquerdinhas fdp e imbecis chupoes do Che Gayvara

    Ja estive dos dois lados dessa polemica,ja achei certo quebrar tudo e tambem fazer protesto na paz e sabe a conclusão a que cheguei??

    Seja quebrando tudo ou marchando a noite inteira feito um imbecil O GOVERNO ESTARA CAGANDO E ANDANDO pra tudo isso,porque os custos para os prejuizos é dinheiro de chiclete pro Estado e pras grandes empresas,realmente quem se fode eh o pequeno proprietario e os caminhoneiros

    O negocio eh deixar de ser burro e aprender a votar ou então se for pra fazer a cobra fumar QUE SEJA PRA VALER,começar a executar politicos ladrões FDP seria de primeira e no Brasil isso eh perfeitamente possivel

    Manifestar feito um otario o dia inteiro e quebrar tudo NAO RESOLVEM MERDA NENHUMA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelas palavras!

      De fato, quebrar tudo não vai resolver, só vai piorar a situação. O estado não vai resolver porque não está interessado "no bem comum", mas sim em "levar vantagem com o dinheiro dos outros".

      Professores esquerdistas e chupões do Che Quévara é o que mais tem! Se você for discutir com todos eles, não sobrará saliva hahaha

      Excluir
  4. Então como em Portugal, o governo é uma merda, e só rouba as pessoas. E AS PESSOAS NÃO PODEM SAIR PARTINDO TUDO, PORQUE ESTÃO REVOLTADAS? olhe na Ucrânia, eles não têm razão?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essas pessoas vão resolver alguma coisa? Não, só vão causar mais destruição. Protestar é um direito legítimo em uma democracia livre, mas o respeito às instituições é fundamental.

      Excluir
  5. Black Blocs são BANDIDOS. Os moleques filhinhos-de-papai que invadiram o Instituto Royal, e roubaram - exatamente, eles roubaram - beagles são BANDIDOS. E bandido tem mais é que entrar na porrada mesmo. Se não pode meter borracha no bandido, então METE BALA, PORRA!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é! Quantos cinegrafistas precisam morrer para que as autoridades façam alguma coisa?

      Se o mínimo ato de vandalismo fosse punido conforme a legislação, ninguém se meteria a besta de sair quebrando tudo por aí!

      Excluir

Não seja um esquerdista chato, comente civilizadamente!

Mais dúvidas? Pergunte-me em: http://ask.fm/diariodeumexcomunista